Pesquisar
ENGLISH

Sobre

Catrica evita qualquer romantismo ou nostalgia. Ele não está propriamente interessado na cidade como metáfora da vida moderma, como o efusivo lugar cheio de energia, violência e movimento, onde os contrastes entre o bom e o mau, o rico e o pobre, e o alto e o baixo são mais evidentes. A cidade de Catrica é primeiramente uma estrutura física com vida própria, com superfície cheia de traços, com textura, forma e ritmo. | Frits Gierstberg

 

Obras